Morre Gabriel García Márquez, aos 87 anos

Gabriel García Márquez/Divulgação
Gabriel García Márquez/Divulgação

O mundo literário perdeu um de seus maiores representantes. O escritor colombiano Gabriel García Márquez morreu nesta quinta-feira (17), aos 87 anos. Apesar de a causa da morte ainda ser desconhecida, o autor de Cem Anos de Solidão e de O Amor nos tempos do Cólera, ficou internado com pneumonia e infecção respiratória, entre o fim de março e o início de abril deste ano. Ele ainda lutava contra um câncer linfático, desde 1999, e seu irmão caçula, Jaime García Márquez, confirmou ainda que o autor também sofria de demência senil, “há alguns anos”, e enfrentava a perda de memória. As informações são do portal “G1”.

Nascido em 6 de março de 1927, em Aracataca, na Colômbia, García Márquez abandonou os cursos de Direito e de Ciências Políticas, na Universidade Nacional da Colômbia, para se dedicar ao Jornalismo. Um dos mais renomados autores latinos da história e mais importantes escritores do século 20, ele escreveu o seu primeiro romance, A Revoada (O enterro do diabo), no início da década de 1950, porém, a obra só foi publicada em 1955, por intermédio de seus amigos. Mas foi apenas em 1967 que seu nome passou a ser reconhecido ao redor do mundo, com o lançamento de seu livro mais famoso: Cem Anos de Solidão. Traduzido para 35 idiomas, o título é, juntamente com Dom Quixote, de Manuel Cervantes, um dos principais livros da literatura espanhola.

Sua contribuição para a área foi reconhecida em 1982, quando Márquez recebeu o Prêmio Nobel de Literatura pelo conjunto da sua obra, tornando-se o primeiro colombiano e o quarto latino-americano a ser contemplado com essa homenagem. Dentre os principais romances de sua autoria, destacam-se: A incrível e triste história de Cândida Eréndira e sua avó desalmadaO outono do patriarcaCrônica de uma morte anunciadaDo amor e outros demôniosMemórias de minhas putas tristesO amor nos tempos do cólera. Gabriel García Márquez era casado Mercedes Barcha Pardo, desde 1958, com quem teve dois filhos, Rodrigo e Gonzalo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.