Olhos Vermelhos: A Fera, o Diário e o Amuleto, de Evan Klug | Resenha

book:
evan klug

Reviewed by:
Rating:
4
On 06/11/2017
Last modified:09/11/2017

Summary:

Uma trama repleta de reviravoltas que vai mexer com a cabeça do leitor.

‘Olhos Vermelhos’: uma aventura repleta de mistérios e reviravoltas, em plena floresta canadense

Uma expedição para investigar a vida selvagem pode ser uma grande oportunidade para carreira de quem se dedica a registrar/documentar a natureza. Porém, quando a situação foge do controle, a aventura pode se transformar no pior pesadelo . Em  Olhos Vermelhos: A Fera, o Diário e o Amuleto, de Evan Klug, publicado de forma independente, o leitor vai se desesperar, junto com os personagens, em busca de uma saída que o livre dos perigos de uma floresta cercada de segredos. É de tirar o fôlego!

No livro, Will é chamado de última hora para integrar um grupo de filmagem da vida selvagem. O que seria a grande oportunidade profissional para o pai de família vira uma questão de sobrevivência. Após um incidente levar a equipe para o Canadá, eles acabam se juntando a um resgate, floresta adentro, na busca por um menino local desaparecido. E, para piorar, uma fera dispersa o grupo de ajuda, e Will se vê sozinho num lugar sinistro, onde as pessoas estão sendo caçadas. Mas o que é o predador? Será que dá para sair vivo de lá?

Olhos Vermelhos apresenta ao leitor uma narrativa angustiante. É um livro que te prende, que faz você acompanhar desesperadamente uma saída ou um resgate que livre Will e os outros membros do grupo daquele lugar maldito. A escrita de Evan Klug é muito profissional. O ponto alto são os diálogos. Contudo, nas cenas em que Will está sozinho, pelo fato de a narrativa ser em primeira pessoa, acredito que as frases poderiam ser mais curtas e, assim, acentuar o drama. A sensação é que o autor desenvolve, de uma forma bem polida, os pensamentos do protagonista numa situação em que a mente deveria estar alucinada. Se fosse um livro em terceira pessoa estaria perfeito, porque quem observa não está na pele do personagem e pode relatar tudo com mais calma.

Outros destaques na trama são a ambientação e a maneira como o autor consegue surpreender o público. Mesmo sem conhecer bem as lendas indígenas canadenses, não tive grandes dificuldades de entender e visualizar o contexto. E, além de todos esses mistérios, as reviravoltas são intrigantes. Olhos Vermelhos começa com grande potencial e repleto de suspense. Como falei, tem grandes reviravoltas, mas, num dado momento, no final do livro, que não posso mencionar sem dar spoiler, ele fica um pouco extenso.

Vou tentar explicar sem maiores detalhes (para não comprometer): depois da grande revelação, o autor quis explorar outro acontecimento. Posso apenas dizer que é um conflito do protagonista, porém, há uma quebra de ritmo de leitura e um foco numa situação que poderia ser apenas citada. Esse fato corrobora para a desaceleração no final e por um tipo de desfecho que não curto para o gênero de terror. É uma questão pessoal; não é ruim. Pelo contrário, tudo é bem amarrado.

Olhos Vermelhos: A Fera, o Diário e o Amuleto é um livro que provoca o leitor e consegue passar o desespero de ficar perdido em busca de uma saída. E isso é fantástico! É o que esperamos ao ler um livro com esta premissa. Acredito que a obra precise de uma edição mais lapidada (enxugar o final e, quem sabe, uma pitada mais sinistra nas últimas linhas, para desamarrar o texto e deixar algumas ideias suspensas). São só sugestões, mas o trabalho está ótimo. Sei que é um autor iniciante, mas, com uma boa história, sempre queremos explorar o melhor. Esta tem que ser a busca. Sucesso!

Amazon

Uma trama repleta de reviravoltas que vai mexer com a cabeça do leitor.

Daniel Lanhas

Apaixonado por histórias, tramas e personagens. É o tipo de leitor que fica obsessivamente tentando adivinhar o que vai acontecer, porém gosta de ser surpreendido. Independente do gênero, dispensando apenas os romances melosos, prefere os livros digitais aos impressos, pois, assim, ele pode carregar para qualquer lugar.

Um comentário em “Olhos Vermelhos: A Fera, o Diário e o Amuleto, de Evan Klug | Resenha

  • 06/11/2017 em 12:14
    Permalink

    Obrigado Dan, adorei a resenha e as observações. Fico feliz que tenha gostado. Grande abraço!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.