Resenhas

Ed e Lorraine Warren – Lugar Sombrio, de Carmen Reed, Al Snedeker e Ray Garton | Resenha

13 abril, 2018 por
Review of:

Reviewed by:
Rating:
4
On 13/04/2018
Last modified:26/04/2018

Summary:

Mesmo que você não acredite que a história seja verdadeira, duvido que você não fique horrorizado(a) com o que ler, que você não feche o livro em algum momento e reze para que nada disso aconteça com você...

‘Ed e Lorraine Warren – Lugar Sombrio’: intenso, incômodo e realmente sombrio

Este. Livro. É. Intenso.

Apesar de ter um texto fácil e ágil e de eu ter terminado a obra rápido, foi difícil de ler Ed e Lorraine Warren – Um Lugar Sombrio, de Carmen Reed, Al Snedeker e Ray Garton, publicado pela DarkSide Books. Pensei em parar a leitura diversas vezes! Ponderava esconder o livro para que eu nunca mais o visse. Me senti enojada em certos momentos. Não conseguia ler à noite. A história é tão sombria que eu lia propositalmente enquanto ainda tinha sol. Eu rezava antes de abrir o livro para me sentir protegida. Sim, estou falando sério.

A obra narra um dos casos do casal Ed e Lorraine Warren. O caso dos Snedeker. Após o primogênito, Stephen, ficar doente, a família precisa mudar de cidade para ficar mais perto do hospital onde Stephen se tratava. A casa escolhida como lar tem um passado escuro, mas é o único local que está dentro do orçamento deles. Stephen é o primeiro a ter um pressentimento de que aquela residência era maligna, mas Carmen e Al, os pais, decidem permanecer no domicílio mesmo assim.

O que esta família sofreu é algo inimaginável. Parece mais ficção do que realidade. Só alguém com uma mente muito doentia conseguiria inventar os acontecimentos e ainda por cima com tanto detalhe! Sei que somente ler umas palavras em um texto não é a mesma coisa que vivenciar os eventos. Na verdade, não chega nem perto! Então, eu posso somente tentar imaginar o que foi passar por tudo aquilo que eles passaram.

Mesmo que você não acredite que a história seja verdadeira, duvido que você não fique horrorizado(a) com o que ler, que você não feche o livro em algum momento e reze para que nada disso aconteça com você…

Apesar de tudo, alguns pontos me incomodaram um pouco, principalmente na narrativa. A começar pelo título, “Ed e Lorraine Warren – Lugar Sombrio”, uma vez que o casal raramente aparece durante a obra. Confesso que fiquei até um pouco chocada por eles só aparecerem depois da metade do livro (Ed e Lorraine surgem, de fato, no final do capítulo 22, sendo que a narrativa possui um total de 29 capítulos). A história em si é completamente focada na família Snedeker. Compreendo que este seja o caso, já que Carmen e Al são coautores da obra junto com Ray Garton. O título, então, poderia ser outro, usando, talvez, Ed e Lorraine Warren como parte de um subtítulo porque, desta forma, parece que a história será contada do ponto de vista de Ed e Lorraine, quando, na verdade, a obra é narrada do ponto de vista da família.

Também gostaria de saber o que aconteceu com Stephen. Não quero falar nada sobre este personagem para não dar spoilers, mas Stephen “some” da narrativa, sendo ele muito importante na obra.

Este livro, contudo, é completamente diferente de “Ed e Lorraine Warren – Demonologistas”. Enquanto o primeiro tem uma pegada mais didática, até mesmo na linguagem, este tem um lado mais romanceado. Inclusive, era justamente isso o que eu esperava que fosse o primeiro livro. Então fiquei surpresa com essa mudança.

Por já ter lido outro livro sobre Ed e Lorraine Warren, sei que um simples e inocente pensamento sobre o mal ou o oculto pode convidar essas forças para sua vida, e isto é uma coisa que eu certamente nunca quero vivenciar. Espero que você também não queira.

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

2 Comentários

  • Ricardo
    agosto 11, 2021

    Realmente, você tem razão….ler o livro só nos dá uma noção do inferno (literalmente falando) que aquela família vivenciou. Eu ganhei o primeiro livro – Demonologistas -, fiquei tão apaixonado, pois esse tipo de literatura me interessa (Tenho quase todos os livros do Padre Gabrielle Amorth, era exorcista do Vaticano), e então comprei os outros dois , Lugar Sombrio e Vidas Eternas.
    Estou na metade do Lugar Sombrio e a narrativa é totalmente diferente do primeiro, mas não deixa de ser envolvente….Excelente livro (também rezo antes de ler e só leio de dia, assim como o primeiro)

    • Renata Bacellar
      agosto 23, 2021

      Obrigada por seu comentário Ricardo!
      Ed e Lorraine Warren foram dois investigadores paranormais muito respeitados no campo. Desde que descobri o trabalho deles, fiquei intrigada e procuro me informar mais sobre o sobrenatural. O assunto é realmente muito pesado e sombrio, então só consigo terminar a leitura pedindo proteção e rezando. Ler durante o dia também ajuda bastante como você disse.

      Ainda não li Vidas Eternas. Depois me fala o que você achou!
      Não conheço a obra do Padre Gabrielle Amorth. Fiquei curiosa! Obrigada pela dica!